Notícias

09.05.2018Soja: Mercado tem dia de estabilidade em Chicago nesta 4ª se ajustando antes do USDA

Soja: Mercado tem dia de estabilidade em Chicago nesta 4ª se ajustando antes do USDA

Soja: Mercado tem dia de estabilidade em Chicago nesta 4ª se ajustando antes do USDA

 

O mercado da soja, no pregão desta quarta-feira (9), trabalha sem direção definida na Bolsa de Chicago. Por volta de 8h05 (horário de Brasília), os futuros da oleaginosa atuavam em campo misto, com o julho/18 subindo 0,50 ponto, valendo US$ 10,20 por bushel, enquanto as posições mais longas perdiam entre 0,25 e 0,50 ponto. 

Esse é um movimento bastante comum do mercado à s vésperas de um novo boletim do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos). Nesta quinta-feira, 10, a instituição traz seu novo reporte mensal de oferta e demanda e chega com as primeiras estimativas para a safra 2018/19, intensificand ainda mais as especulações sobre os números e faz com que os investidores busquem ajustar suas posições antes do reporte. 

"Os traders aguardam por uma confirmação de uma menor safra de trigo de inverno e da redução dos estoques finais de milho", diz o boletim diário da consultoria internacional Allendale, Inc. No caso da soja, atenção ainda aos números da presente temporada, principalmente após as perdas severas na safra da Argentina, e na demanda mais tímida da China pela soja americana, mas mais aquecida pela do Brasil. 

No cenário paralelo, o mercado acompanha as negociações entre China e Estados Unidos sobre seus acordos comerciais, bem como o andamento do clima e dos trabalhos de campo da nova safra no Corn Belt. 

Veja como fechou o mercado nesta terça-feira:

>> Soja: Chicago tem dia de correção e fecha em alta; portos do BR mantêm patamar dos R$ 86

Tags:
 
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

 

Outras notícias